Sucessão Familiar

Números do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) demonstram que, tirando as estatais já privatizadas e as multinacionais, cerca de 95% das maiores empresas são familiares, a maioria já  na  segunda  geração.

Quantas chegarão na terceira geração?
Na falta de uma intervenção divina, praticamente 70% das empresas não ultrapassam a segunda geração devido a conflitos familiares.
Não há como falar sobre empresas familiares sem abordar o tema sucessão, um momento crucial para essas companhias. Dados mundiais, publicado no livro Família, família, negócios à parte, da editora Gente, confirmam que 33% sobrevivem nas mãos da família dos fundadores na transição da primeira para a segunda geração e apenas 14% dessas na transição da segunda para a terceira geração. Por mais sólido que seja, não há negócio que sobreviva bem diante de uma briga de família. Mas, no futuro, esse quadro alarmante pode mudar. “Há um número cada vez maior de empreendedores e outros participantes de empresas familiares que se preparam para enfrentar os períodos de transição e adotam modelos mais modernos de governança corporativa e familiar”.

Como se preparar?

Preparação para a Sucessão

  • 1. Treinamento;
  • 2. Preparação para gestão;
  • 3. Acompanhamento da sucessão em cada etapa.

Com posse do conhecimento mais aprofundado da realidade da empresa, buscar-se-á indicadores para implantação do processo sucessório, onde se denota as seguintes ações:

  • 1. Estabelecer uma mentalidade que sai do empirismo e começa a se estabelecer em termos de profissionalização;
  • 2. Evitar que o processo de profissionalização se transforme num conflito entre os membros da família, minimizando a demora e os traumas decorrentes do direito de sucessão;
  • 3. Criar nas empresas um Conselho de Família;
  • 4. Estabelecer regras para a sucessão no comando;
  • 5. Ter um plano de treinamento para fazer de todos os jovens da família bons profissionais que queiram assumir cargos dentro da empresa;
  • 6. Estabelecer um plano de aposentadoria do presidente para permitir a renovação no comando.

À medida que as ações são implementadas aumenta o inter-relacionamento de todos os subsistemas inseridos no sistema de sucessão, objetivando a sustentabilidade do processo de gerenciamento das atividades em questão e garantindo a sobrevivência da empresa familiar.











Praça Manoel Guedes, 64 - Centro - Tatui - CEP: 18270-300